Vida Integral

Para quem ama comer e não abre mão de ser saudável


Deixe um comentário

Exercícios e Riqueza

exercicoPode parecer invenção, mas praticar atividade física três (só isso?) vezes por semana acarreta um maior ganho monetário no fim do mês. A ideia de pesquisar a relação entre exercício e dinheiro foi do professor de economia Billy D. Kosteas, da iniversidade de Cleveland.

Os achados são interessantes, principalmente para o sexo feminino. Homens que se exercitam regularmente ganham em média 6% a mais do que os sedentários. No caso das mulheres o aumento é de 11%.

O autor afimar que “além do impacto positivo do exercício para a saúde cardiovascular, peso e outras questões médicas, há uma melhora da função cerebral, condição emocional e melhora no nível de energia”. Estes fatores combinados podem ser transformados em salário maior.

Mais um motivo para praticar o exercício que você mais gosta!

 


1 comentário

O Segredo das Pessoas Magras

should-you-avoid-fruit

Sabe aquela amiga que come mais que você e não engorda? A ciência pode ter descoberto a razão! Pois é, e o segredo nem é tão difícil assim de ser implementado.

Um estudo recente publicado na BMJ, relacionou a manutenção do peso com a ingesta de flavanóides. Estes são compostos encontrados em alimentos de origem vegetal, os quais aparentemente ajudam o organismo a manter o peso.

Existem tipos diferentes de flavanóides, os pesquisadores chegaram a conclusão que os mais benéficos são as antocianinas. Alimentos ricos nesta substância: morango, mirtilho, uvas, radiquio. Outros flavanóides polímeros, encontrados em maçã e chá verde, também são interessantes.

Motivos não faltam para saborear estes alimentos deliciosos.

 

 


Deixe um comentário

3 Mitos da perda de peso

perderpeso

Perder peso hoje é um dos desejos mais almejados. Eliminar os quilos extras nem sempre é fácil, principalmente quando não existe acompanhamento médico. Aqui seguem 3 mitos que dificultam este processo:

  1. Você deve contar calorias: além de chato este hábito é ineficiente como um estudo da Universidade John Hopkins comprovou. A questão é muito mais sobre qualidade do que quantidade
  2. Perder peso é uma questão do quanto você come e se exercita: se fosse apenas matemática seria mais fácil. Porém questões como estresse, sono, toxinas ambientais também contribuem para esta equação
  3. A dieta da moda vai funcionar pois meu amigo emagreceu com ela: cada organismo reage de uma forma quando a questão é alimentar. Além da qualidade dos alimentos devemos pensar na praticidade de qualquer “dieta” e se ela é capaz de ser mantida a longo prazo

O ideal é pensar em saúde e encarar a perda de peso como consequência de uma vida saudável.


Deixe um comentário

Ginástica Cerebral

Se você está preocupado com a saúde do seu cérebro, temos uma boa notícia. Aprender um novo esporte é bom para ele. Como tudo na vida, uma novidade faz toda diferença quando pensamos em neurônios.

Atividades complexas como aprender uma nova tarefa promove alterações cerebrais benéficas. Um novo estudo publicado na Neuroimage em 2014 revelou que o volume da massa cinzenta ( local com maior concentração de neurônios) está relacionado com o aprendizado de uma nova habilidade esportiva. Em outras palavras, esta mudança aumenta o número de células do seu cérebro.

Claro que praticar uma atividade física regularmente é indispensável para a saúde mental. E se você quiser melhorar ainda mais, aprenda um novo esporte!


Deixe um comentário

Memória: uma questão de experiência

distraido

Uma das queixas mais frequentes no consultório é a “falta” de memória. Mesmo pacientes jovens e sem problemas aparentes de saúde reclamam da dificuldade de lembrar de fatos corriqueiros. O que podemos fazer para melhorar este quadro generalizado dos tempos atuais? As pesquisas científicas são unânimes: estilo de vida saudável (prática de atividade física, manutenção do peso, alimentação balanceada e controle do estresse) é um dos pilares para o bom funcionamento dos neurônios (células responsáveis pelo pensamento). Mas será apenas isso?

Os estudos recentes sobre o cérebro confirmaram que a memória é criada a partir de experiências e associações. Ou seja, uma experiência do passado é relembrada por uma associação do presente. Por exemplo; você sente o cheiro de canela e lembra do bolo que sua avô preparava durante as férias. (ou qualquer outra lembrança que remeta ao passado). Mas qual o problema do mundo cibernético atual? Estamos distraídos,  não vivemos mais as experiências. Permanecemos conectados aos celulares, computadores e telas. Não prestamos atenção suficiente para “criar” a memória.

Pare e fique atento à vida. Crie memórias!

 


Deixe um comentário

Menos Carne, Menos Fome

carnevermelha

Se você precisava de mais um motivo para diminuir a carne vermelha da sua dieta, os cientistas descobriram. Uma alimentação com excesso de ferro pode diminuir o hormônio leptina, responsável pelo controle do apetite.

O estudo, publicado na revista científica Journal of Clinical Investigation em agosto de 2015, avaliou a quantidade de ferro em modelo animal e a relação com níveis de leptina e consequentemente do apetite. O resultado é no mínimo interessante; quanto maior o estoque de ferro maior a ingesta alimentar. O pesquisador Don McClain acrescenta que ” em humanos, altos níveis de ferro sérico está relacionado a uma série de doenças com gordura no fígado, diabetes, doença de Alzheimer. Portanto, esta é mais uma razão para restringir o consumo de carne vermelha, já que o ferro proveniente deste alimento é mais prontamente absorvido quando comparado ao de alimentos vegetais”.

A palavra chave para uma vida saudável é moderação!


Deixe um comentário

Refluxo Gastro Esofágico: como controlar

drge

Muitas pessoas sofrem com a Doença do Refluxo Gastro Esofágico, os sintomas podem atrapalhar muito a vida.

Além de seguir as orientações médicas (inclusive com medicamento, quando necessário), existem algumas medidas dietéticas comportamentais que podem amenizar o quadro:

– controle do estresse: nos dias de hoje, diminuir o estresse é uma das tarefas mais difíceis;porém, sempre existe uma solução. Técnicas de meditação, atividade física ou mesmo uma caminhada ao lar livre podem fazer milagres pela sua saúde

– redução das porções alimentares: além de diminuir a quantidade de alimento que ingere, experimente comer lentamente, isto auxilia a digestão

– evitar deitar logo após a refeição: espere pelo menos duas horas antes de adotar a posição horizontal, se necessário durma com dois travesseiros

– evitar ingesta de gordura industrializada: este tipo de alimento realmente não faz bem para o trato gastrointestinal

– controle da ingesta de álcool e cafeína: a palavra chave sempre é moderação

– manutenção do peso saudável: o excesso de peso piora muito os sintomas do refluxo, se você está acima do peso, procure ajuda . Sua saúde vai agradecer!